Fagner rejeita rótulo de melhor lateral do país e vê cobrança como natural

Fagner rejeita rótulo de melhor lateral do país e vê cobrança como natural

Fagner concedeu entrevista no CT início da tarde desta terça-feira

Fagner concedeu entrevista no CT início da tarde desta terça-feira

Foto: Vinícius Souza/Meu Timão

Parte do sucesso do líder Corinthians no Campeonato Brasileiro é explicada pelo bom momento de dois jogadores em especial: Fagner e Guilherme Arana. Ainda assim, é preciso ter calma ao apontar a dupla como melhores atletas do país em suas respectivas posições. Em entrevista coletiva nesta terça-feira, no CT Joaquim Grava, o camisa 23, ao ser questionado a respeito do assunto, foi sincero.

“Isso (melhor lateral do Brasil) aí a gente tem que deixar pra vocês da imprensa. Temos que ver o momento como um todo. Lógico que se a equipe não estivesse bem, eu e o Arana não estaríamos no mesmo nível. Todos estão vivendo momentos especiais. Ficamos felizes de fazer parte dessa engrenagem”, afirmou Fagner.

Titular em dez dos 14 jogos do Corinthians na Série A, o lateral terá outra oportunidade para confirmar o momento que vive nesta quarta, quando a equipe alvinegra mede forças com o Avaí, às 21h (de Brasília), na Ressacada. Uma chance para o Timão recuperar os pontos que desperdiçou em casa contra o Atlético-PR, no último sábado.

Sincero, Fagner disse não ter sentido cobranças extras ao Corinthians após o empate na Arena, mas disse ver as críticas com naturalidade. “Na verdade eu não vi, depois do jogo me desliguei totalmente para ficar com a família, aproveitar o domingo, uma coisa rara para nós (jogadores). Não vejo como tropeço, vejo como mais um jogo onde a equipe conseguiu ter uma maturidade muito grande. Consegue a virada, não deixou de criar mesmo com a vantagem no placar, sofre o empate e mesmo assim consegue situações de gol”, analisou. “Não conseguimos a vitória. Um campeonato como o Brasileiro é muito importante você pontuar, óbvio que em casa esperamos a vitória, mas não vejo como tropeço”.

“O ser humano, quando se cobra muito, é natural que cada um que for para sua casa e sabe que poderia ter sido melhor deve ter repensado e se cobrou. Se ele se cobrou, ele vai querer fazer melhor. Não colocando uma pressão em cima dele, mas vai querer fazer melhor porque ele tem condição”, concluiu.

Corinthians e Avaí se enfrentam pela 15ª rodada do Brasileirão. Invicto há 28 jogos, o Timão precisa se vencer se quiser manter a vantagem de oito pontos para o vice-líder Grêmio.

Veja os jogos da 15ª rodada do Brasileirão 2017

Jogos em 19/07/2017
19h30 - Santos x Chapecoense
19h30 - Vitória x Grêmio
21h00 - Ponte Preta x Coritiba
21h00 - Avaí x Corinthians
21h45 - Flamengo x Palmeiras
21h45 - São Paulo x Vasco
21h45 - Atlético-MG x Bahia
Jogos em 20/07/2017
19h30 - Fluminense x Cruzeiro
20h00 - Sport x Atlético-GO
21h00 - Atlético-PR x Botafogo

Veja mais em: Fagner, Guilherme Arana e Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • Na Série B do Brasileirão pelo Internacional, Leandro Damião entrou na mira do Timão

    Corinthians inicia sondagem sobre centroavante do Internacional

    ver detalhes
  • Timão monitorava situação de Roger, em fim de contrato no Botafogo

    Alvo do Corinthians, centroavante Roger fecha com clube gaúcho

    ver detalhes
  • Vilson só deve retornar aos treinos em fevereiro do ano que vem

    Vilson passa por nova cirurgia no joelho e deve perder pré-temporada do Corinthians; veja foto

    ver detalhes
  • Assim como no Paulistão, Cássio será o escolhido para levantar a taça do Brasileiro

    Carille define qual jogador do Corinthians vai levantar a taça do Campeonato Brasileiro de 2017

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes