Giovanni Augusto cita companheiro como exemplo para recuperação no Corinthians

Giovanni Augusto cita companheiro como exemplo para recuperação no Corinthians

Por Meu Timão

Novamente titular, Giovanni citou Marquinhos para falar de possível recuperação

Novamente titular, Giovanni citou Marquinhos para falar de possível recuperação

Foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

Elogiado por Fábio Carille em sua volta ao time titular, na partida contra o Fluminense, Giovanni Augusto sabe que sua possível recuperação tem muito mérito do treinador. Desde o início da temporada, o comandante alvinegro garantiu que recuperaria alguns dos jogadores que vinham rendendo muito e é em um desses exemplos que o camisa 17 se espelha para dar os próximos passos.

"Isso é muito importante para um jogador: ver que o treinador realmente conta com você. Assim como aconteceu com o Marquinhos, tenho certeza de que vai acontecer comigo. Espero voltar a ter uma sequência de jogos. Agradeço ao professor Carille pela confiança e espero conseguir o meu espaço. Daqui para frente, as coisas vão começar a fluir", afirmou, em entrevista ao Globoesporte.com.

Confirmado entre os titulares para a partida contra o Patriotas, nesta quarta-feira, às 21h45, Giovanni volta a atuar duas vezes seguidas entre o 11 inicial depois de quase seis meses. A última sequência do meia tinha sido em fevereiro, ainda no Campeonato Paulista. Além do nível técnico, bastante questionado, as lesões também o atrapalharam.

"Infelizmente, passei por momentos difíceis com a lesão que tive e fiquei um tempo parado, o que, para qualquer jogador, é complicado. Você perde condicionamento físico e confiança. Contra o Fluminense, pude entrar e tenho certeza de que foi um recomeço. Daqui para frente, as coisas vão acontecer naturalmente", completou.

Voltando aos poucos a ter importância, sendo responsável, inclusive, por assistência no gol de Balbuena que decidiu o 1 a 0 contra o Fluminense, Giovanni esteve muito próximo de deixar o time alvinegro. Em abril, Corinthians e Internacional quase selaram a troca do meia por Valdívia, hoje no Atlético Mineiro, mas o jogador corinthiano negou a possibilidade.

"O Internacional é um clube que respeito muito, eu não ter ido para lá não tem nada a ver com ele estar disputando a Série B. Sabemos da grandeza do clube. Fiquei pelo simples fato de o Carille ter me dado confiança de trabalhar aqui, onde me sinto feliz todos os dias para trabalhar. Vi que tinha condições de continuar e de dar alegrias para essa torcida maravilhosa", concluiu.

Para o jogo contra os colombianos, o Corinthians está escalado com Cássio; Léo Príncipe, Balbuena, Pedro Henrique e Guilherme Arana; Gabriel e Maycon; Giovanni Augusto, Marquinhos Gabriel e Clayton; Kazim.

Veja mais em: Giovanni Augusto, Fábio Carille e Marquinhos Gabriel.

Veja Mais:

  • Fiel vai 'invadir' a Arena Corinthians no próximo fim de semana

    Torcida do Corinthians reserva todos os ingressos para jogo da taça

    ver detalhes
  • Meia cumpriria função que Carille deseja no Corinthians

    Segundo portal, Andrés negocia possível ida de Gustavo Scarpa ao Corinthians; candidato nega

    ver detalhes
  • Titular, Zeca foi campeão olímpico pela Seleção Brasileira, em 2016

    Corinthians estuda oferta ao lateral Zeca, diz portal

    ver detalhes
  • Depois de quase deixar o Timão no início do ano, Rodriguinho não pensa em sair

    Rodriguinho 'esquece' Europa e evita pensar em Seleção: 'Outros estão na minha frente'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes