Corinthians prepara aumento salarial a Pablo; entenda rumo do acordo

Corinthians prepara aumento salarial a Pablo; entenda rumo do acordo

Por Meu Timão

25 mil visualizações 113 comentários Comunicar erro

Pablo receberá reajuste de salário do Timão como forma de valorização

Pablo receberá reajuste de salário do Timão como forma de valorização

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Enquanto acerta os últimos detalhes do novo empréstimo, o Corinthians prepara um aumento salarial imediato ao zagueiro Pablo. A intenção do Timão é valorizar o jogador, centro das negociações recentes entre o clube e o advogado Fernando César. A informação é do portal Globoesporte.com.

A diretoria corinthiana entende que Pablo tem direito a receber já os valores previstos no vínculo a ser fechado nos próximos meses, que será válido até dezembro de 2021. A remuneração do atleta é mantida em sigilo.

Como o Meu Timão informou no último sábado, o Corinthians entrou em acordo com o Bordeaux, da França, para estender o empréstimo de Pablo até julho de 2018. O atual contrato expira em dezembro da temporada de 2017.

“Corinthians queria, quer e vai ter o Pablo dentro das condições que a gente pode, sem faca no pescoço. Com o Bordeaux já está tudo acertado, Corinthians já assinou. Em relação ao contrato, são detalhes que serão definidos nesta semana que entra. Não vai ter problema nenhum”, adiantou o diretor de futebol Flávio Adauto.

Leia também:
Após confirmação dos clubes, Emerson Santos fala sobre interesse do Corinthians
Corinthians estende empréstimo de Pablo por seis meses, diz diretor; Emerson Santos segue na mira

As tratativas pela permanência de Pablo no Parque São Jorge, no entanto, se arrastam há meses e chegaram a ser dadas como suspensas pelo agente do jogador na semana passada. Tudo porque o advogado rejeitou a proposta oferecida pelo Timão. Como explicou o repórter Marco Bello, colunista do Meu Timão, as luvas (bônus pelo novo vínculo) do camisa 3 seriam diluídas em 54 meses, enquanto a comissão dele, parcelada em R$ 500 mil por ano.

A pressão de Fernando César sobre a direção do Corinthians gerou mal-estar interno e uma resposta firme de Adauto, que até colocou em xeque o futuro do zagueiro no time paulista. Dias depois, o próprio empresário voltou atrás e garantiu unir esforços pela extensão da passagem de Pablo pelo CT Joaquim Grava.

Com os franceses, tudo ok! – O Timão pagará 1,2 milhão de euros (cerca de R$ 4,4 milhões) e cederá os 15% de direitos econômicos que detinha pelo atacante Malcom, ex-joia alvinegra, por 100% dos direitos de Pablo.

Veja mais em: Pablo, Diretoria do Corinthians, Mercado da bola e Flávio Adauto.

Veja Mais:

  • Corinthians de Fábio Carille deve chegar reforçado para temporada de 2019

    Retorno de Carille turbina padrão do Corinthians no mercado da bola; veja listas e compare

    ver detalhes
  • Thiago Neves desperta interesse no Corinthians

    Corinthians formaliza interesse em Thiago Neves e Sassá, relata Cruzeiro

    ver detalhes
  • Ramiro foi peça importantes nos últimos títulos do Grêmio

    Pai de Ramiro revela conversas adiantadas com o Corinthians e fala em acerto ainda nesta semana

    ver detalhes
  • Matias Ávila, diretor financeiro, e Roberto Gavioli, gerente financeiro, em coletiva nesta quarta-feira

    Corinthians confirma déficit em 2018, mas prevê explosão de receitas com TV e patrocínios

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes