Desde o ano passado 'se preparando', CBF faz treino teórico com nova arbitragem de vídeo

1.1 mil visualizações 21 comentários

Por Meu Timão

Sistema de arbitragem com auxílio de vídeo deve chegar ao Brasileirão ainda em 2018

Sistema de arbitragem com auxílio de vídeo deve chegar ao Brasileirão ainda em 2018

Reprodução/FIFA.com

A Confederação Brasileira de Futebol realizou novo passo pela implementação dos árbitros de vídeo nos jogos do Campeonato Brasileiro. De acordo com nota divulgada pela própria entidade, um treinamento teórico com 16 supervisores de arbitragem já foi realizado para "atualização de protocolo e revisão de instruções".

A ideia da CBF, conforme avisado anteriormente, é implementar a nova tecnologia ainda na atual edição do Brasileirão. Uma primeira possibilidade de já colocar árbitros de vídeo na 25ª rodada, neste próximo fim de semana, porém, já está praticamente descartada porque não seria possível utilizar o chamado video assistant referees (VARs) em todos os jogos.

Leia também: CBF isenta equipe de arbitragem de culpa após gol irregular de Jô

"O árbitro moderno precisa entender que a função dele está mudando e que o árbitro de vídeo vem para garantir uma arbitragem ainda melhor e mais eficiente. O árbitro terá que saber usar o AV com inteligência para não atrapalhar a dinâmica do futebol, que é a essência do uso da tecnologia", declarou o coronel Marcos Marinho, chefe da Comissão Nacional de Arbitragem da CBF.

"Desde março do ano passado, todos os cursos e treinamentos promovidos pela Comissão de Arbitragem da CBF têm o tema “Árbitro de Vídeo” como parte das atividades. Além disso, nós participamos de todos os workshops realizados pela FIFA sobre o AV em Londres, Amsterdã, New Jersey e Zurique. Agora, vamos dar mais um passo para a implantação do AV", completou o instrutor Manoel Serapião Filho.

A CBF, vale lembrar, trabalha em conjunto com a TV Globo, detentora dos direitos de transmissão da primeira divisão do futebol brasileiro, para colocar o VARs em prática. A vitória do Corinthians sobre o Vasco por 1 a 0, no último domingo, na Arena, foi determinante para que a entidade apressasse a ideia de ter o árbitro de vídeo no Brasileirão. Isso porque o gol marcado por Jô foi irregular – o jogador utilizou o braço para completar um cruzamento – motivando reclamações do presidente do clube de São Januário, Eurico Miranda.

Veja mais em: Campeonato Brasileiro e Arbitragem.

Veja Mais:

  • Matheus Araújo foi procurado pelo Sporting, mas negócio não avançou

    Corinthians recusa investida do Sporting por meia das categorias de base

    ver detalhes
  • Cássio já enfrentou rivais mais de 100 vezes com a camisa do Corinthians

    Cássio pode passar Ronaldo em número de clássicos pelo Corinthians; veja detalhes

    ver detalhes
  • A reportagem do Meu Timão teve acesso ao laudo da perícia contratada por Rafael Ramos

    Perícia contratada por Rafael Ramos conclui que jogador do Corinthians não utilizou o termo 'macaco'

    ver detalhes
  • Natascha foi emprestada ao Flamengo

    Corinthians acerta empréstimo de goleira ao Flamengo

    ver detalhes
  • Entre outubro de 2018 e dezembro de 2021, Michel Macedo atuou em apenas 30 jogos, com um gol marcado; lateral-direito conquistou o Estadual de 2019

    Corinthians é acionado na Justiça pelo lateral Michel Macedo com pedido de indenização milionária

    ver detalhes
  • Aos 23 anos, João Victor tem 75 partidas na equipe principal do Corinthians

    Corinthians é procurado por dois clubes europeus e estipula valor mínimo para negociar João Victor

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x