Corinthians joga muito mal, perde para o CSA e chega ao sétimo jogo sem vitória

27 mil visualizações 1.453 comentários

Cássio e Gil lamentam segundo gol sofrido pelo Corinthians no jogo

Cássio e Gil lamentam segundo gol sofrido pelo Corinthians no jogo

Reprodução/TV

CSA 2 X 1 Corinthians

Brasileiro 2019
30 de outubro de 2019, 21:30
CSA 2 x 1 Corinthians
Trapichão

O Corinthians definitivamente vive seu pior momento na temporada. Com nova atuação ruim, a equipe alvinegra perdeu para o CSA por 2 a 1, no estádio Rei Pelé, em Maceió. O gol de honra foi marcado por Pedrinho, que se emocionou com o tento em sua terra natal.

Com o revés, cabe destacar, o Timão aumentou a série mais negativa de Fábio Carille no comando da equipe: agora são sete jogos sem uma vitória. Além da marca ruim, o time ainda perdeu mais uma posição na tabela, caindo para a sétima colocação - o Grêmio entrou no G6.

Agenda - Tentando juntar os cacos, o Corinthians tem um desafio e tanto pelo caminho. No domingo, às 16h, visita o Flamengo, líder do Brasileirão, no Maracanã.

Escalação

De volta ao banco depois de cumprir suspensão no clássico contra o Santos, Carille promoveu quatro mudanças em sua equipe: Fagner, Sornoza, Clayson e Gustavo foram as novidades.

O Timão, então, entrou em campo com Cássio; Fagner, Manoel, Gil e Danilo Avelar; Ralf e Júnior Urso; Pedrinho, Sornoza e Clayson; Gustagol.

escalação1

Meu Timão

Primeiro tempo

Com muitos cantos da torcida do Corinthians, a equipe alvinegra se sentiu em casa e tentou impor seu jogo na casa do adversário. Logo aos três minutos, a primeira chance: Sornoza dominou a bola e bateu sem deixar cair, mas para a linha de fundo.

Com postura reativa, o CSA deu a bola para o Timão. A equipe de Fábio Carille, porém, encontrou dificuldades para criar. Na última bola, o setor ofensivo acumulou erros.

Aos 12 minutos, veio a primeira grande chance dos mandantes. Ricardo Bueno entrou livre no meio da defesa e chutou para fora, levantando a torcida presente no estádio Rei Pelé.

Depois disso, o CSA tomou o controle do jogo para si. Com mais posse de bola, a equipe alagoana apostou muito em lances pelos lados para incomodas a defesa do Timão.

E não demorou para a postura mais ofensiva surtir resultado. Aos 25 minutos, Sornoza saiu jogando errado e o CSA armou contra-ataque rápido. Apodi recebeu em velocidade, levou vantagem sobre Fagner e abriu o placar em Maceió.

O panorama após o gol se manteve. Mesmo tentando se mandar ao ataque, o Corinthians seguiu com menos posse. Em raras descidas, a equipe apostou em cruzamentos, mas errou a maioria das tentativas.

Aos 44 minutos, porém, o Timão achou um gol. Em cruzamento na área, Gustavo conseguiu escorar. A zaga tentou afastar e acabou mandando a bola nos pés de Pedrinho, que bateu forte para empatar.

Segundo tempo

Para tentar mudar o jogo, Carille fez uma troca logo no intervalo: colocou Mateus Vital no lugar de Sornoza. Logo aos três minutos, Urso achou o próprio meia na área. A finalização do camisa 22, porém, saiu pela linha de fundo.

Mais ligado, o Timão não demorou a criar nova chance. Em chegada pela direita, Fagner rolou para Pedrinho. O alagoano não viu Clayson chegando livre e arriscou chute muito forte por cima do gol.

O ritmo rapidamente caiu. Ao contrário do segundo tempo, no entanto, o Corinthians manteve a posse e não se deixou dominar pelo CSA. E aos 19, um susto. Em erro de saída de Cássio, o time da casa cruzou com perigo, mas ninguém conseguiu finalizar.

Com o desempenho voltando ao nível ruim da primeira etapa, o técnico alvinegro fez outra troca. Colocou o jovem Janderson, muito ovacionado pela torcida, no lugar de Clayson, de partida discreta.

E o segundo quase veio na principal jogada da equipe: a bola alçada. Avelar subiu mais alto que a defesa e testou para o chão, bem perto da trave adversária. Logo depois, porém, foi o CSA que marcou.

Em cobrança de escanteio, Ricardo Bueno apareceu livre no meio da defesa e cabeceou no canto, sem chances para Cássio. 2 a 1 para o time da casa e estádio fervendo para os minutos finais.

Engana-se quem pensa que o gol acordou o Corinthians. Mesmo com a entrada de Jadson no lugar de Urso, o Timão seguiu com dificuldades para criar e pouco ofereceu perigo ao goleiro João Carlos. Em uma rara boa chance, após Janderson ser derrubado na entrada da área, o próprio camisa 10 desperdiçou com péssima cobrança de falta.

Veja mais em: Campeonato Brasileiro.

Quem Atuou

Títulares

Reservas

Técnico

Árbitro

Comente a notícia:

x