Saiba onde estão os 21 jogadores que atuaram pelo Corinthians na conquista da Libertadores de 2012

9.4 mil visualizações 18 comentários

Paulinho, Ralf e Fábio Santos no vestiário da Bombonera, antes da final contra o Boca Juniors

Paulinho, Ralf e Fábio Santos no vestiário da Bombonera, antes da final contra o Boca Juniors

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

A conquista da Taça Libertadores da América completa dez anos nesta segunda-feira e o Timão traz para você onde estão cada um dos 21 jogadores que entraram por pelo menos um minuto em campo naquela conquista. De Cássio a Emerson Sheik, várias histórias se cruzaram para levar o clube ao inédito troféu e hoje se espalham pelo Brasil e o mundo.

Vale lembrar que a lista não inclui nomes que estavam inscritos, mas não atuaram em nenhuma ocasião. Desses, o mais famoso é o zagueiro Marquinhos, que herdou a camisa 10 de Adriano na troca de inscritos para as oitavas de final. Hoje no PSG, porém, ele não chegou a entrar em campo.

Veja como estão os campeões!

Cássio

Um dos nomes mais importantes daquela conquista, o Gigante é o único que permaneceu no elenco durante todo esse período e segue sendo uma das referências do Corinthians. Depois da taça, sua primeira pelo Timão, levantou outros oito troféus e é hoje o segundo atleta com mais conquistas pelo clube.

Júlio César

Titular durante toda a fase de grupos, Júlio César segue em atividade. Ele tem contrato até o final deste ano com o Red Bull Bragantino e deve se aposentar ao final do vínculo. Levando em conta apenas os campeonatos em que atuou, Júlio tem outras quatro conquistas pelo Timão.

Alessandro

Capitão do Corinthians na conquista, Alessandro se aposentou ao final do ano seguinte. Ele tornou-se gerente de futebol do clube e vive a sua segunda passagem no cargo desde o início da gestão Duilio Monteiro Alves.

Weldinho

Presente em duas partidas no torneio, o lateral reserva não decolou na carreira depois da conquista. Hoje aos 31 anos, chegou a ser emprestado para o Palmeiras e desde 2017 não tem contrato profissional com clubes de futebol.

Chicão

O zagueiro-artilheiro do Corinthians, segundo com mais gols na história, seguiu como parte titular até o título mundial, em dezembro daquele ano. Perdeu espaço em 2013 e acabou cedido para o Flamengo. Depois, ainda passou pelo Bahia e o futebol indiano antes de se aposentar - hoje comenta jogos na sua rádio.

Leandro Castán

O zagueiro fez o seu último jogo pelo Corinthians justamente naquela final. Vendido para a Roma, passou por bons e maus momentos no futebol italiano, onde teve um tumor no cérebro identificado. Conseguiu voltar a jogar e segue na ativa, disputando a Série B do Brasileiro pelo Guarani.

Wallace

Zagueiro contratado do Vitória, Wallace atuou em três partidas na campanha. Ele saiu do Timão no ano seguinte sem deixar tanta saudade, mas segue em atividade: defende o Brusque, na Série B do Brasileiro.

Fábio Santos

Outro dos campeões que está no elenco atual, Fábio ficou no Timão até 2015, quando foi negociado com o Cruz Azul. Retornou ao Brasil no ano seguinte, passando cinco temporadas no Atlético-MG até fechar mais uma vez com o clube do Parque São Jorge. Ele tem contrato até dezembro deste ano.

Edenílson

Utilizado em sete partidas do torneio, Edenílson segue em atividade e virou referência para o Internacional, em Porto Alegre. Dos principais jogadores da história recente dos gaúchos, ele esteve em voga recentemente por acusar o lateral-direito Rafael Ramos de injúria racial durante partida contra o Corinthians.

Ralf

Titular e pilar do meio-campo durante toda aquela campanha, Ralf ficou no Corinthians até 2015, passou dois anos no futebol chinês e voltou ao Timão para mais duas temporadas. Hoje segue em atividade, defendendo o Vila Nova na Série B.

Paulinho

Outra figura emblemática daquele meio-campo, Paulinho fecha o grupo de atletas que ainda está no Corinthians. Depois de deixar o clube em 2013, rodou por grandes clubes do futebol europeu, como Tottenham e Barcelona, foi campeão na China e atuou em duas Copas do Mundo. Retornou ao Timão em janeiro e, atualmente, se recupera de lesão no joelho esquerdo.

Cachito Ramírez

O peruano entrou em uma partida daquela campanha, o empate sem gols com o Cruz Azul, no México, pela primeira fase. Dono de gol importante no Brasileiro anterior, conquistado pelo Timão seguiu vinculado ao clube até 2014. Entre idas e vindas, fez 54 partidas e cinco gols pelo Corinthians - aos 38 anos, é 10 e faixa do Sport Boys, do Peru.

Alex

Homem das bolas paradas daquela equipe, Alex foi outro a deixar o Timão logo após a conquista. Depois de rodar por alguns times, anunciou a aposentadoria e hoje atua como auxiliar técnico da equipe profissional, ajudando na transição de jovens que saem das categorias de base.

Danilo

Decisivo como poucos naquela campanha, Danilo foi o vice-artilheiro e só permaneceu no Corinthians por menos tempo do que Cássio. Depois de deixar o clube em 2018, atuou por seis meses no Vila Nova e logo se aposentou. Hoje é o técnico da equipe Sub-20 do Timão.

Douglas

Reserva na conquista, mas peça importante em vários outros momentos da história recente do Corinthians, Douglas jogou até duas temporadas atrás, quando resolveu anunciar a sua aposentadoria. Hoje cuida de negócios particulares e participa de projetos de comunicação.

Willian

Hoje conhecido como Willian Bigode, o atacante perdeu espaço no Corinthians após a conquista do Brasileiro de 2011, mas teve papel relevante na Libertadores, atuando em oito das 14 partidas. Atualmente está no Fluminense.

Romarinho

Visto como um dos heróis do título pelo histórico gol na Bombonera, Romarinho permaneceu no Timão até 2014, quando foi negociado com o futebol do Oriente Médio. Ele permanece lá até hoje, atualmente no Al-Ittihad Jeddah, da Arábia Saudita.

Élton

O centroavante que Tite tanto pediu para o seu elenco pouco fez naquela campanha, mas teve tempo o bastante para anotar um gol diante do Nacional do Paraguai, na primeira fase. O jogador segue em atividade e atualmente defende o Cuiabá, na Série A do Campeonato Brasileiro.

Jorge Henrique

Uma das grandes figuras daquela equipe, Jorge Henrique viveu todo o ciclo vitorioso de 2009 a 2013. Depois de rodar por algumas equipes do Brasil, foi anunciado recentemente como reforço do North Esporte Clube, que disputará a terceira divisão do Mineiro.

Liedson

Goleador, mas já em reta final de carreira naquela conquisa, Liedson fez um gol em 11 jogos e deixou o Corinthians pouco depois para ir ao Flamengo. Ele ainda atuou pelo Porto, em 2013, conquistando um título português sob o comando de Vítor Pereira, e se aposentou na sequência. Mesmo sem jogar, mantém perfil ativo nas redes e costuma celebrar vitórias do Corinthians.

Emerson Sheik

Autor dos dois gols na final contra o Boca Juniors, Sheik terminou aquela campanha como o artilheiro e vice-líder de assistências da equipe. Depois de rodar por outros clubes, encerrou a carreira no Corinthians, em 2018, e chegou a exercer cargo de gerência no futebol. Depois de se demitir, hoje atua como comentarista esportivo no SBT.

Veja mais em: Libertadores da América, Títulos do Corinthians, História do Corinthians e Ex-jogadores do Corinthians.

Veja Mais:

  • Corinthians irá enfrentar o Fluminense na semifinal da Copa do Brasil

    Corinthians conhece detalhes do mando de campo da semifinal da Copa do Brasil contra o Fluminense

    ver detalhes
  • Arthur Elias falou sobre planejamento para a zaga do Corinthians neste segundo semestre de 2022

    Nova zagueira no Corinthians e Erika de volta na Libertadores? Arthur Elias revela planos para zaga

    ver detalhes
  • Renato Augusto teve uma grande atuação na partida contra o Atlético-GO

    Renato Augusto dá três passes para gol e consegue feito inédito em 16 anos de Corinthians

    ver detalhes
  • Balbuena demorou, mas enfim encontrou Gil ao mesmo tempo no Corinthians

    Balbuena se torna o 17º companheiro de zaga diferente de Gil no Corinthians; relembre

    ver detalhes
  • Elenco do Corinthians antes da bola rolar para a decisão contra o Atlético-GO

    Corinthians completa 10 a 1 como mandante e confirma bom desempenho na Copa do Brasil

    ver detalhes
  • Matheus Davó está cedido ao Bahia e disputa a Série B do Brasileiro

    Corinthians recebe proposta e pode vender Matheus Davó; veja detalhes

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x