Reserva no Corinthians ou titular em rival? Cássio evita comentar situação de Walter

Reserva no Corinthians ou titular em rival? Cássio evita comentar situação de Walter

Walter e Cássio disputavam titularidade no Corinthians; primeiro pode sair

Walter e Cássio disputavam titularidade no Corinthians; primeiro pode sair

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Sem Fábio Carille, liberado pelo Corinthians para acompanhar a esposa no funeral do sogro, coube a Cássio a missão de conceder entrevista coletiva no CT Joaquim Grava nesta sexta-feira à tarde, logo após o treinamento. E o goleiro não escapou de um dos principais assuntos da semana do líder Timão: a proposta do rival São Paulo por Walter, seu concorrente imediato.

Visivelmente desconfortável com a pergunta acerta do companheiro de posição, Cássio evitou opinar. O camisa 12 apenas disse torcer pela felicidade do jogador, seja no Corinthians ou em outro clube.

“Essa situação é complicada, é ele que tem que ver. Não sei como está a situação, é uma coisa particular. Mas ele é bem assessorado. É complicado opinar numa situação assim. Espero só sempre que ele seja feliz, que ele faça as escolhas com convicção. É difícil eu aconselhar alguma coisa. Ele é um cara importante para nossa equipe”, limitou-se.

Como o Meu Timão apurou na última quinta-feira, Walter não deve deixar o Corinthians. A diretoria alvinegra se reuniu com o goleiro e explicou que não tende a liberá-lo no momento, nem de forma definitiva. O atleta, aliás, está nos planos do clube para receber aumento salarial.

Arqueiro da defesa menos vazada da Série A, com sete gols sofridos em 15 rodadas, Cássio também falou sobre a possibilidade de voltar à Seleção Brasileira. A recente visita do preparador de goleiros do Brasil, Taffarel, ao CT Joaquim Grava é vista com bons olhos pelo jogador corinthiano, que mantém os pés no chão.

“Não, não conversei com o Tite, mas é legal ter um cara aqui no CT. Não só por ser treinador de goleiros da Seleção, mas por ser um cara vitorioso. É meta chegar à Seleção e disputar uma Copa do Mundo. Fazendo um trabalho bem feito, tem mais chance de ser convocado. Vou respeitar sempre quem está sendo chamado. Por enquanto, enquanto não chegar convocação, tenho de focar 100% no Corinthians”, finalizou.

O Corinthians treina pela última vez antes do confronto com o Fluminense na manhã deste sábado, novamente no CT. O embate está marcado para domingo, às 16h (de Brasília), no estádio do Maracanã.

Veja mais em: Cássio, Walter, Mercado da bola e Corinthianos na Seleção.

Veja Mais:

  • Na Série B do Brasileirão pelo Internacional, Leandro Damião entrou na mira do Timão

    Corinthians inicia sondagem sobre centroavante do Internacional

    ver detalhes
  • Timão monitorava situação de Roger, em fim de contrato no Botafogo

    Alvo do Corinthians, centroavante Roger fecha com clube gaúcho

    ver detalhes
  • Vilson só deve retornar aos treinos em fevereiro do ano que vem

    Vilson passa por nova cirurgia no joelho e deve perder pré-temporada do Corinthians; veja foto

    ver detalhes
  • Assim como no Paulistão, Cássio será o escolhido para levantar a taça do Brasileiro

    Carille define qual jogador do Corinthians vai levantar a taça do Campeonato Brasileiro de 2017

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes