Corinthians tem apagão, tenta reação, mas perde no sul

Corinthians Corinthians 1 x 2 Grêmio Grêmio

Brasileirão 2014

Corinthians tem apagão, tenta reação, mas perde no sul

Por Meu Timão

Guerrero tentou, mas Timão perdeu no sul

Guerrero tentou, mas Timão perdeu no sul

Foto: Rodrigo Coca / Agência Corinthians

O Corinthians foi até Porto Alegre e perdeu para o Grêmio. Com dois vacilos no início da segunda etapa e desperdiçando chances no decorrer do jogo, o Timão saiu derrotado por 2x1 e perdeu a oportunidade de ultrapassar o Internacional e assumir a vice-liderança. Para piorar, com a vitória do São Paulo, caiu para a quarta colocação.

Jogo começa aberto e com Timão buscando espaços

Mano Menezes promoveu as entradas de Lodeiro e Luciano na equipe e sacou Renato Augusto e Ángel Romero. Mais veloz e procurando envolver o adversário, o Timão controlou as ações desde o início. Com posse de bola, bons toques, mas sem criar grandes oportunidades até os 15 minutos, a equipe parecia mais inteira e aprumada em relação aos últimos jogos como visitante.

O Grêmio, por sua vez, jogando em casa, buscava reagir. No meio da tabela, a equipe gaúcha tinha no lado esquerdo, com Zé Roberto e Dudu, a esperança de vencer o jogo. Com isso, opções de lado a lado não faltavam, já que o jogo ficou aberto.

O primeiro lance de efeito aconteceu aos 23 minutos. Em bobeada corinthiana no meio-campo, o Grêmio tomou a bola e no lançamento Anderson Martins foi obrigado a fazer falta forte no atacante gaúcho. O zagueiro alvinegro tomou cartão amarelo. Na cobrança, Zé Roberto mandou por cima.

Mesmo sem levar perigo, o Grêmio cresceu. O Corinthians não encontrava mais tanto espaços e procurou valorizar a posse de bola. Chance mais clara, apenas aos 39 minutos com chute de Jadson sem perigo para Marcelo Grohe. Aos 45, Elias escapou, mas na hora de bater jogou fraco. O placar parcial foi mesmo 0x0.

Gols relâmpago e Corinthians em desvantagem

O segundo tempo começou da pior forma. Com 22 segundos, o Grêmio chegou a área alvinegra. Na sobra, Barcos colocou pra dentro. Pouco depois, aos 3, Dudu tramou pelo meio e abriu pela esquerda. Cruzamento e novamente Barcos na rede. 2x0, Corinthians atrás do placar e jogo praticamente decidido para o tricolor gaúcho.

Aos 10 minutos, pela primeira vez o Corinthians respirou no segundo tempo. Bom lançamento e Guerrero apareceu na cara do gol. Na batida, a bola do peruano não saiu com força e Grohe fez a defesa.

Só que o camisa 9 alvinegro não desiste. Aos 16, grande jogada pelo esquerdo e um chute forte. Gol do Corinthians que diminuía o placar e entrava de novo no jogo. Logo em seguida, blitz alvinegra. Em dois escanteios seguidos, o Timão levou perigo e quase empatou.

A equipe corinthiana tentava o empate a qualquer custo. Com três atacantes (Romero entrou no lugar de Lodeiro), o time se expôs e atacou o Grêmio.

Foram diversas oportunidades. Ralf na trave, Romero buscando pelos lados, Romarinho tentando, Guerrero insistindo. Não foi por falta de luta. Ao contrário de outros jogos, o Corinthians buscou o resultado sem parar.

Não deu. O próximo jogo do Timão no Brasileirão será contra o Fluminense, domingo que vem, na Arena Corinthians. Antes disso, no meio de semana, encara o Bragantino, em Cuiabá, pelas oitavas de final da Copa do Brasil.

Quem Atuou

Títulares

Reservas

Técnico

Árbitro

Comente a partida entre Corint

  • 1000 caracteres restantes