Corinthians vence São Paulo com gols de Gustavo e Manoel e mantém supremacia de meia década

Corinthians Corinthians 2 x 1 São Paulo São Paulo

Paulista 2019

Corinthians vence São Paulo com gols de Gustavo e Manoel e mantém supremacia de meia década

58 mil visualizações 763 comentários Comunicar erro

Gustagol fez o segundo do Corinthians e recolocou a equipe à frente do placar contra o São Paulo

Gustagol fez o segundo do Corinthians e recolocou a equipe à frente do placar contra o São Paulo

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Pela décima vez em dez Majestosos disputados na Arena Corinthians, o Timão sai de campo sem saber o que é perder. Mais do que isso: o Corinthians venceu de novo o São Paulo, por 2 a 1, em clássico disputado em Itaquera na noite deste domingo, pelo Campeonato Paulista.

Os gols anotados por Manoel (seu primeiro pelo Timão!) e Gustagol (o sétimo do artilheiro só em 2019!) selaram a sétima vitória corinthiana contra o São Paulo na Arena - Pablo descontou. Houve ainda três empates nesses dez Majestosos disputados desde 2014, num intervalo de quase cinco anos.

Classificação - Com a vitória no Majestoso, o Corinthians salta da terceira para a primeira posição do Grupo C. O agora líder Timão tem dez pontos, contra nove de Ferroviária e Bragantino. Completa a chave o Mirassol, com cinco pontos. O São Paulo do técnico interino Vagner Mancini, por sua vez, segue estacionado em segundo no Grupo D, com nove pontos, e pode ser ultrapassado pelo Oeste nesta segunda, no fechamento da sétima rodada.

Escalação - O Corinthians entrou em campo com quatro mudanças em relação ao empate da última quinta contra o Racing. Além do retorno do então suspenso Danilo Avelar na vaga de Carlos Augusto, Carille também tirou da equipe titular: Ramiro (dores no joelho), Jadson e Vagner Love (desgaste físico). Entraram Júnior Urso (estreante!), Pedrinho e Clayson.

Assim, o Corinthians foi escalado para o primeiro Majestoso de 2019 com: Cássio, Fagner, Manoel, Henrique e Avelar; Ralf, Júnior Urso e Sornoza; Pedrinho, Clayson e Gustagol.

Escalação Corinthians x São Paulo

Meu Timão

Agenda - Pelo Paulistão, o Corinthians volta a campo no domingo que vem, às 17h, contra o Botafogo-SP, em Ribeirão Preto. Antes disso, o Timão tem jogo eliminatório contra o Avenida-RS, às 21h30 desta quarta-feira, novamente na Arena, pela Copa do Brasil.

Primeiro tempo

Uma etapa inicial de muita vontade. E pouca qualidade. Corinthians e São Paulo davam a alma para marcar. Mas não mostravam capacidade para criar. Exceções a serem destacadas para Fagner e Gustagol, talvez os dois únicos corinthianos que ousaram em termos de movimentação e disposição para dividir tudo quanto é bola possível.

Somente aos 41 minutos o Corinthians construiria sua primeira chance real de gol. Clayson foi até o limite da linha de fundo pela esquerda e cruzou - tira-teima do canal Premiere mostrou que a pelota saiu de campo. Pedrinho, que nada tinha a ver com o erro do assistente, recebeu na meia lua, se livrou do marcador e arriscou belo chute que por pouco não encobriu o goleiro Tiago Volpi. A pelota foi espalmada. Escanteio para o Timão. E aí...

Sornoza cobrou no capricho para Manoel aparecer como um foguete para testar firme. Volpi tirou a bola praticamente em cima da linha do gol e caiu para dentro das redes. A pelota então bateu na trave e voltou na cabeça do arqueiro, já dentro da meta. O lance foi tão rápido que o próprio zagueiro corinthiano seguiu atento a sequência até se dar conta de que a arbitragem havia sinalizado o tento. Pode comemorar, Manoel! Seu primeiro gol pelo Timão!

Segundo tempo

Bastaram dez minutos para o Corinthians levar o gol de empate. E, a exemplo do tento alvinegro, num lance marcado por erro da arbitragem. Não foi assinalada falta clara de Antony em Danilo Avelar, num empurrão em lance que originou escanteio ao São Paulo.

Na cobrança de escanteio no primeiro pau, Pablo estava cercado por três corinthianos: Júnior Urso à frente e Fagner e Ralf mais próximos. Nenhum dos três acertou o tempo da bola. Melhor para o são-paulino, que cabeceou cruzado num tiro à queima-roupa e empatou.

Com 24 minutos, Carille decidiu mexer no ataque corinthiano: tirou Clayson para a entrada de Vagner Love. Naturalmente, aumentou no Timão a presença de área nas proximidades do goleiro são-paulino. Bingo! Foi assim que, em três minutos, saiu o segundo gol alvinegro.

Fagner chamou o marcador para dançar e, com belo drible, conseguiu cruzamento venenoso. Vagner Love dividiu limpo com o goleiro Tiago Volpi, que saiu caçando borboletas. Na sobra... Gustagol! O artilheiro do Timão em 2019 não perdoou: Corinthians em vantagem de novo!

Aos 33 minutos, Pedrinho saiu para a entrada de Mateus Vital. Mas foi no setor de defesa do Corinthians que a próxima grande ação aconteceria: Arboleda teve gol bem anulado pela arbitragem por toque de mão de Carneiro no lance que antecedeu a finalização.

Ainda houve tempo para Carille trocar Urso por Richard. Nada que alterasse o panorama da partida. Vitória do Corinthians sobre o São Paulo em clássico disputado na Arena!

Veja mais em: Majestoso, Campeonato Paulista e Crônica.

Quem Atuou

Títulares

Reservas

Técnico

Árbitro

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes