Cássio brilha, Corinthians bate Santos nos pênaltis e vai à final do Paulistão

70 mil visualizações 1.342 comentários Comunicar erro

Com o empate, o Corinthians enfrenta o São Paulo na decisão do Estadual

Com o empate, o Corinthians enfrenta o São Paulo na decisão do Estadual

Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Santos 1 X 0 Corinthians

Paulista 2019
08 de abril de 2019, 20:00
Santos 1 x 0 Corinthians
Pacaembu

A noite de segunda-feira não foi das mais inspiradas para a equipe de Fábio Carille. O Corinthians perdeu para o Santos por 1 a 0, no Pacaembu, pelo jogo de volta da semifinal do Campeonato Paulista, e teve que confirmar a classificação para a final do Campeonato Paulista nos pênaltis - vitória por 7 a 6. O revés poderia ter sido ainda maior no tempo regulamentar se Cássio não estivesse iluminado e jogando muito.

O único gol do confronto foi marcado pelo santista Gustavo Henrique, aos 40 minutos do segundo tempo. Nas penalidades, Vagner Love, Ramiro, Urso, Fagner, Sornoza, Avelar e Henrique converteram. Boselli desperdiçou.

Anota aí! - O Corinthians volta a campo no próximo domingo para enfrentar o São Paulo, às 16h, pela final do Paulistão. Por ter uma campanha melhor, o Timão decide o título do torneio em Itaquera, no domingo seguinte.

Os escolhidos para o embate

Fábio Carille optou por sua equipe base nesta temporada, promovendo apenas duas mudanças em relação ao último jogo: o retorno do zagueiro Manoel, recuperado de dores no ombro esquerdo, na vaga de Marllon; Vagner Love dando lugar para Pedrinho no ataque alvinegro.

Sendo assim, o Corinthians foi a campo com Cássio; Fagner, Henrique, Manoel e Danilo Avelar; Ralf (capitão) e Júnior Urso; Pedrinho, Sornoza e Clayson; Gustagol.

Meu Timão

Meu Timão

O Santos, por sua vez, foi para a decisão com Vanderlei; Victor Ferraz, Gustavo Henrique, Aguilar e Pituca; Alison, Sánchez, Jean Mota e Cueva; Derlis Gonzalez e Soteldo.

Primeiro tempo

Com muita chuva, o jogo começou de forma bem disputada, tanto que logo aos 15 segundos de jogo, o volante rival Alison levou cartão amarelo por cometer uma falta dura em Pedrinho.

O Santos foi superior durante toda a primeira etapa e deu poucos espaços para o Corinthians levar perigo ao gol de Vanderlei. Aos quatro minutos, o mesmo Alison teve a primeira oportunidade do jogo, mas cabeceou para longe do gol corinthiano depois de uma cobrança de escanteio.

Menos de um minuto depois veio a única chance do Timão nos primeiros 45 minutos. Sornoza arriscou de fora da área, mas acabou mandando a bola por cima do gol adversário.

Como o gramado estava molhado, por conta da chuva intensa, muitos erros de ambas equipes começaram a aparecer com uma certa frequência. Depois de Pedrinho tentar dominar uma bola no campo de defesa, aos 20 minutos, Cueva conseguiu recuperar a bola, chute rasteiro, Jean Mota desviou e obrigou Cássio a fazer uma grande defesa. A partir deste lance, o camisa 12 do Corinthians começaria a aparecer mais.

Meu Timão

Reprodução

Um minuto depois, Sánchez chutou colocado, mas Cássio mandou a bola para fora. Outra defesa do arqueiro do Timão viria acontecer dez minutos mais tarde, com uma falta perigosa cobrada por Jean Mota.

Por fim, a última finalização da primeira etapa veio com um chute rasteiro de fora da área do paraguaio Derlis Gonzalez, mas Cássio mandou a bola para longe.

Segundo tempo

Diante do desempenho de seu time na primeira etapa, Fábio Carille tratou de fazer a primeira alteração ainda no intervalo. Vagner Love no lugar de Pedrinho.

Contudo, os primeiros minutos seguiram da mesma foram. Jean Mota aproveitou a bola sobrada na grande área, encheu o pé, mas Cássio voltou a aparecer. No lance seguinte, Rodrygo deu um drible em Henrique, mas bateu com pouca força. Cássio fez a defesa em dois tempos.

Apesar do Corinthians ter adiantado um pouco sua marcação, o Santos seguiu em cima. Aos oito minutos, Diego Pituca recebeu a bola na entrada da área, chutou forte, mas o arqueiro do Timão fez outra grande defesa.

A entrada do Love ajudou o Corinthians a sair melhor para o ataque e, a segunda alteração de Carille veio aos 17 minutos. Ramiro entrou no lugar de Clayson, com objetivo de segurar mais a marcação no lado direito da equipe. Com isso, o camisa 9 mudou de lado e passou a atuar na ponta esquerda.

E, aos 21, Ramiro já apareceu pela primeira vez. Ele recebeu a bola na direita, passou bem pelo marcador, invadiu a área e foi derrubado. Os corinthianos pediram pênaltis, mas o árbitro, após consultar o VAR, deixou o jogo seguir.

Aos 25 minutos, Rodrygo aproveitou a bola sobrada na área, chutou rasteiro no gol, e obrigou Cássio a fazer mais uma bela defesa com o pé. Que atuação do goleiro corinthiano.

Depois de muita insistência, enfim, saiu o primeiro gol do jogo. Victor Ferraz cruzou da direita, na medida para Gustavo Henrique chegar cabeceando e abrir o marcador aos 40 minutos.

Tento que fez Carille optar em realizar sua última alteração. Substituiu Gustagol, que vinha sentindo câimbras, e colocou o argentino Mauro Boselli.

Depois disso, pouca coisa aconteceu e a decisão foi para os pênaltis.

Pênaltis...

Corinthians: Boselli (perdeu), Vagner Love (acertou), Ramiro (acertou), Júnior Urso (acertou), Fagner (acertou), Sornoza (acertou), Danilo Avelar (acertou), Henrique (acertou)

Santos: Rodrigo (acertou), Caio Jorge (perdeu), Soteldo (acertou), Sánchez (acertou), Derlis Gonzalez (acertou), Diego Pituca (acertou), Alison (acertou), Victor Ferraz (perdeu)

Veja mais em: Crônica, Campeonato Paulista e Corinthians x Santos.

Quem Atuou

Títulares

Reservas

Técnico

Árbitro

Comente a notícia: