Venha fazer parte da KTO
x

Mano Menezes elogia Luxemburgo durante explicação de como pretende usar dupla da base do Corinthians

2.0 mil visualizações 17 comentários Reportar erro

Por Victor Godoy e Vitor Chicarolli

Mano Menezes reviveu a figura de Luxemburgo durante comentário sobre a base do Corinthians

Mano Menezes reviveu a figura de Luxemburgo durante comentário sobre a base do Corinthians

Jhony Inácio / Meu Timão

Mano Menezes tem voltado a dar chance para os jogadores da base nessa reta final de temporada. Contra o Vasco, o treinador começou apenas com Moscardo, mas escalou Wesley, Matheus Araújo e Giovane durante a segunda etapa, sendo que o meia deu o passe para que o centroavante fechasse o placar. O técnico valorizou as chances dadas por Luxemburgo a esses atletas.

“Temos garotos de muita qualidade. Vou ressaltar os méritos do Vanderlei (Luxemburgo), porque ele lançou os meninos em um momento muito difícil, porque era necessário, o clube jogava três competições (simultâneas), então você tinha que fazer talvez mais rápido do que deveria, meio emergencial demais, mas a gente já está colhendo os frutos", apontou.

Enquanto esteve no cargo, Luxemburgo promoveu Moscardo, Wesley, Felipe Augusto e Léo Mana. Guilherme Biro, Murillo, Pedro e Matheus Araújo haviam sido lançados no time principal no início do ano, enquanto Vítor Pereira foi quem deu chance a Giovane.

A ideia de Mano Menezes é dar sequência a esse trabalho conforme a situação no Corinthians for ficando mais tranquila. Matheus Araújo, por exemplo, é um que deve conquistar mais espaço.

"Matheus (Araújo) é um jogador que pode fazer as duas funções, tanto a do Giuliano, um pouco mais pelo lado, quanto a do Renato Augusto, por dentro. Ele já entrou bem em Porto Alegre (contra o Grêmio) também em uma circunstância muito difícil no segundo tempo, quando estávamos com dez, ele fez um papel muito bem feito. A gente quer exatamente isso: poder contar com eles", explicou.

"Agora, com menos pressão, talvez os usaremos um pouco mais e queremos vencer os dois jogos, é o nosso objetivo. A gente ia querer igual, tivemos um acidente grave no nosso último jogo em casa, mas hoje nós comprovamos que foi um acidente com essa resposta que o time deu dentro de campo. Não foi só uma vitória magra, o time produziu, teve comportamento, teve determinação, como precisamos ter em jogos decisivos como esse que nós estamos jogando", concluiu o técnico.

O meia de 21 anos demorou para ter chance com Mano Menezes, ficando sem entrar em campo por quase dois meses. Agora, faz seu terceiro jogo seguido com o novo comandante. Foram 17 minutos contra o Vasco. Além da assistência, acertou 90% dos passes que tentou e acertou um drible. Não chegou a dar um chute, tampouco alguma participação ofensiva.

Giovane marcou o primeiro gol dele como profissional no jogo contra o Vasco

Giovane marcou o primeiro gol dele como profissional no jogo contra o Vasco

Rodrigo Coca/Agência Corinthians

Outro que voltou a ter chance foi Giovane. O camisa 17 rompeu o tendão anterior da coxa esquerda e correu risco de perder o restante da temporada, mas se recuperou a tempo de voltar a atuar. O treinador explicou como pretende usar o atacante de 20 anos.

"Estamos trabalhando ele, ainda não está na condição ideal, mas consegue fazer a função de retenção de bola na frente, pois tem força para isso, com uma característica de jogador que sabe armar a jogada, por isso ele foi escolhido no lugar do Felipe (Augusto), que também segura a bola na frente e poderia entrar naquela hora para segurar, mas como já estávamos em uma condição de vantagem seria necessário a gente segurar um pouco com qualidade para tentar matar o jogo, como fizemos”, apontou Mano Menezes.

O centroavante, inclusive, pode reaparecer na equipe titular do Corinthians. Isso porque Yuri Alberto recebeu o terceiro cartão amarelo e não vai poder enfrentar o Internacional no fim de semana. Mano Menezes terá que decidir entre Giovane e Felipe Augusto.

Apesar da promessa, após o jogo contra os gaúchos, o treinador poderá dar chance apenas na última rodada do Brasileiro, contra o já rebaixado Coritiba fora de casa. Depois disso, o elenco do Corinthians entra de férias e só se reapresenta ao início de 2024.

Veja mais em: Mano Menezes, Giovane, Matheus Araújo, Base do Corinthians e Vanderlei Luxemburgo.

Veja Mais:

  • Corinthians pode atuar em estádio de rival na Copa do Brasil

    Corinthians pode atuar em estádio de rival na Copa do Brasil; saiba tudo

    ver detalhes
  • Daniela Arias em ação durante treino do Corinthians Feminino

    Zagueira do Corinthians sofre pisão de craque americana e é substituída em eliminação da Colômbia

    ver detalhes
  • Pedro Raul e Igor Coronado durante vitória do Corinthians contra o Santo André

    Corinthians tem semana de encerramento do Paulistão, Sub-17 e basquete com rodada dupla; veja agenda

    ver detalhes
  • O elenco do Corinthians ganhou folga no domingo e nesta segunda-feira

    Corinthians ganha folga pelo segundo dia consecutivo após eliminação no Paulistão

    ver detalhes
  • Augusto Melo reafirmou o interesse em Cacá e descartou outros dois nomes como possíveis reforços do Corinthians

    Cacá, Thiago Heleno e De Pena: presidente atualiza mercado do Corinthians

    ver detalhes
  • Augusto Melo confirmou conversas com o Santos e falou sobre a amizade com o mandatário rival

    Presidente do Corinthians confirma conversas para ceder Neo Química Arena a rival no Paulista

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

  • Comentário mais curtido

    Leandro
    Foto do perfil de Leandro

    Ranking: 44º

    Leandro 17752 comentários

    @leandro.ferreira.da3 em

    Os caras pegam números de site de estatística e parece que na viram o jogo. Matheus quase fez o quinto gol em jogada individual no final da partida, o Léo Jardim evitou fazendo uma grande defesa. Aí colocam na matéria: "não chegou a dar um chute, tampouco alguma participação ofensiva." tão sabendo legal...

    Se o Mano tivesse usando mais os garotos nos jogos em casa, teríamos perdido menos pontos. Busca pontos fora com a molecada participando bem, aí chega na Arena e ele vem com os cavalos cansados e os gringos perebas que não acrescentam nada e ainda entregam.

    Luxemburgo só ficou 5 meses no cargo porque apostou nesses moleques, mesmo que não tivessem prontos. Deram resposta suficiente pra conseguirmos não perder alguns jogos, ganhar outros e nisso ele foi se segurando. O Mano fica com esse papo de "pressão" e não ganha de ninguém em casa com o time "eXpErIeNtE".

  • Publicidade

  • Últimos comentários

    Luiz
    Foto do perfil de Luiz

    Ranking: 5º

    Luiz 75986 comentários

    17º. @luiz.fernando.balest em
    Luxa foi muito injustiçado pelos jogadores!
  • REGINALDO
    Foto do perfil de REGINALDO

    Ranking: 562º

    Reginaldo 2913 comentários

    16º. @reginaldo.guedes.de. em

    Caso o mano dê oportunidades a estes garotos, pelo amor de deus, manda eles jogarem o futebol com raça, com garra e com coragem, parar com esse negócio de ficar tocando bola para os lados e para trás o tempo todo.

  • Jadielson
    Foto do perfil de Jadielson

    Ranking: 65º

    Jadielson 13057 comentários

    15º. @gaviao11 em

  • Akinori
    Foto do perfil de Akinori

    Ranking: 926º

    Akinori 1955 comentários

    14º. @akinori.nishida em

    Sugiro que Mano escale Felipe Augusto e Giovane juntos. Matheus Araújo também.

  • Renann
    Foto do perfil de Renann

    Ranking: 26º

    Renann 23086 comentários

    13º. @renannp9.1990 em

    Uma coisa é certa o Luxemburgo no quesito de elevar jogadores da base o profissional e fazer eles jogarem bola e isso é muito bom mas o quesito dele administrar e treinar um time tá fraquíssimo muito longe daquilo que ele fez com o Cruzeiro com a tríplice