É Páscoa! Relembre cinco 'chocolates' históricos do Timão

É Páscoa! Relembre cinco 'chocolates' históricos do Timão

Por Vinícius Souza*

'Recordar é viver' - Lucca comemora um dos seis gols do 'chocolate' corinthiano sobre o São Paulo

'Recordar é viver' - Lucca comemora um dos seis gols do 'chocolate' corinthiano sobre o São Paulo

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Neste domingo (27) comemora-se a Páscoa. Se para alguns a celebração da data remete à ressurreição de Jesus Cristo, para outros a festa resume-se a harmonia em família e muito chocolate. Quando ligado ao futebol, aliás, o alimento oriundo do cacau tem um significado ainda mais especial: vitórias inesquecíveis, belas atuações e chuva de gols.

Pensando nisso, o Meu Timão reuniu cinco dos maiores “chocolates” dados pelo Corinthians em seus quase 106 anos de existência. Para tal feito, contamos com a ajuda do goleiro Cássio, titular do clube há mais de quatro temporadas. De acordo com o jogador, a goleada por 6 a 1 sobre o São Paulo, conquistada em novembro de 2015, é o principal deles.

“Vocês (imprensa) já sabem a resposta, né? (risos). É inevitável não falar do clássico, que foi uma marca expressiva que a gente conseguiu contra um rival. Acho que foi a melhor vitória”, recordou o arqueiro, que viu Ángel Romero (2), Bruno Henrique, Edu Dracena, Lucca e Cristian irem às redes e ainda defendeu pênalti de Alan Kardec.

Relembre outros 'chocolates' históricos do Corinthians

2015 – Corinthians 6 x 1 São Paulo

Então recém-hexacampeão brasileiro, o Timão ainda tinha um desafio na temporada vitoriosa: enfrentar o São Paulo. O time do Morumbi, aliás, era apontado como favorito no clássico, já que ainda não havia garantido sua permanência no G-4. Entretanto, sob a tutela de Tite, um Corinthians repleto de jogadores considerados suplentes surpreendeu e aplicou a maior goleada da história do clássico Majestoso: 6 a 1.

2005 – Corinthians 7 x 1 Santos

Em 06 de novembro de 2005, o Corinthians liderado pelo atacante argentino Carlos Tevez não tomou conhecimento do Santos. Naquela tarde de domingo, o Timão foi formado por Fábio Costa; Marinho, Eduardo Ratinho, Hugo e Wendel; Marcelo Mattos, Carlos Alberto, Rosinei e Bruno Octávio; Nilmar e Tevez. Com Antônio Lopes no comando, a equipe alvinegra massacrou um de seus maiores rivais, fez 3 gols no primeiro tempo e ampliou a contagem para 7 a 1 no período complementar. Um verdadeiro passeio!

1999 – Corinthians 8 x 2 Cerro Porteño (PAR)

Histórico. Talvez seja este o adjetivo que melhor descreva a partida entre Corinthians e Cerro Porteño, do Paraguai, válida pela segunda rodada da fase de grupos da Copa Libertadores da América de 1999. Na noite de 10 de março, um inspirado Fernando Baiano marcou cinco dos oito gols do Timão no Pacaembu. Índio, que aproveitou a bela jogada do camisa 9 corinthiano, e Silvinho selaram o chocolate!

2011 – Corinthians 5 x 0 São Paulo

Julio César, Weldinho, Chicão, Leandro Castán, Fábio Santos, Ralf, Paulinho, Danilo, William, Liedson e Jorge Henrique formavam o time titular do Corinthians que entrou em campo diante do São Paulo. Depois de um primeiro tempo disputado, a equipe do Parque São Jorge aproveitou a expulsão de Carlinhos Paraíba, aos 40 minutos, para impor seu futebol: Danilo, Liedson (3) e Jorge Henrique foram às redes na etapa complementar e levaram a Fiel torcida presente no Pacaembu naquele domingo de junho à loucura: “o freguês voltou!”.

1920 – Santos 0 x 11 Corinthians

Simplesmente a maior goleada do confronto entre as duas equipes. Em 11 de julho de 1920, o Timão fez do Santos mero coadjuvante em plena Vila Belmiro e marcou 11 gols sem que a partida chegasse ao fim, já que o rival do Corinthians teve quatro atletas expulsos. Comandado pelo técnico Amílcar Barbuy, a equipe alvinegra tinha em sua formação Colombo; Nando, Gano, Gacia e Ciasca; Amílcar, Américo, Neco e Bororó. Gambarotta e Basílio. Duas rodadas depois do massacre dentro de seus domínios, o time da baixada decidiu abandonar o Campeonato Paulista.

*Colaborou sob supervisão de Mayara Munhoz

Veja Mais:

  • Filha dá resposta sensacional ao pai palmeirense: 'Vai, Corinthians'

    Pai força garotinha a cantar música do Palmeiras, e ela surpreende com um 'Vai, Corinthians!'

    ver detalhes
  • Gaviões da Fiel se unirá as outras torcidas organizadas paulitas neste domingo

    Organizadas rivais de São Paulo se unem em evento no Pacaembu em homenagem à Chape

    ver detalhes
  • Arana pode se transferir para a Inter de Milão nos próximos dias

    Com oferta na mão, Corinthians espera retorno de presidente para definir venda de Arana

    ver detalhes
  • Corinthians optou por não utilizar redes sociais em respeito ao momento

    Corinthians suspende redes sociais em dia de velório coletivo da Chapecoense

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes