Corinthians vence mais uma e confirma também liderança geral do Paulistão

Corinthians Corinthians 2 x 1 Ponte Preta Ponte Preta

Paulista 2016

Corinthians vence mais uma e confirma também liderança geral do Paulistão

Por Meu Timão

Timão venceu mais uma partida em Itaquera e confirmou liderança geral da primeira fase

Timão venceu mais uma partida em Itaquera e confirmou liderança geral da primeira fase

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Já classificado para a próxima fase do Paulistão, o Timão entrou em campo na noite desta quarta-feira, quando enfrentou a Ponte Preta. O confronto, na Arena Corinthians, foi válido pela 13ª rodada da competição.

Sem precisar da vitória, Tite optou por escalar a equipe com reservas, preservando os jogadores titulares. A preocupação da comissão técnica foi garantir força máxima para o clássico do final de semana, contra o Palmeiras, e para a sequência da Libertadores, na quarta-feira.

Com isso, o Corinthians entrou em campo com o manjado 4-1-4-1 e os seguintes nomes: Cássio; Edilson, Vilson, Balbuena e Guilherme Arana; Willians, Romero, Rodriguinho, Alan Mineiro e Danilo; Luciano. A grande surpresa foi a presença de Balbuena, que havia estado à serviço da seleção paraguaia na terça-feira mas não foi poupado pelo treinador.

Primeiro tempo

A partida começou mal na Arena, em jogo burocrático, preso no meio campo e com pouca criação em ambos os lados. Os primeiros minutos de jogo correram devagar e não empolgaram o público que compareceu em Itaquera.

A primeira jogada de perigo aconteceu apenas ao 23 minutos, quando o volante Jonas, da Ponte Preta, derrubou Rodriguinho na área. Luciano foi para a cobrança e errou a batida, lamentando a oportunidade de abrir o placar.

Minutos depois, ainda no ímpeto ofensivo, porém, o Timão conseguiu enfim mexer no marcador. Em jogada que começou pela direita com cruzamento do lateral Edilson, Romero se posicionou na área e oportunista, pegou o rebote e lançou um balaço contra as redes da Macaca.

A alegria corinthiana, porém, não durou muito: aos 32 minutos a Ponte Preta aproveitou-se de um vacilo da defesa alvinegra. Com espaço na área, Jefferson bateu para o gol, Cássio fez a defesa mas garantiu o rebote para Felipe Azevedo que empatou novamente a partida. Antes do fim da primeira etapa Luciano teve nova chance, porém, ficou na defesa do goleiro João Carlos, fazendo com que o primeiro tempo terminasse empatado em 1 a 1.

Segundo tempo

Apesar da vantagem na posse de bola, o Timão finalizou muito pouco na primeira etapa, tendo uma tentativa a menos que a Ponte Preta (6 a 5 para os visitantes). Por esse motivo, o técnico Tite decidiu mexer na equipe mais cedo do que o normal.

Já no intervalo, o treinador fez sua primeira alteração ao sacar Alan Mineiro para a entrada de Maycon. Aos 19 minutos, foi a vez de Luciano dar lugar para o atacante André. A terceira e última mudança corinthiana foi aos 29, quando Danilo deu a vaga à Giovanni Augusto.

Confortável com o empate, a Ponte Preta travou muito o jogo, o que acirrou os ânimos em campo. Mais do que bola rolando, se viu um festival de cartões amarelos na etapa, dando mostras de um descontrole da arbitragem na partida. Romero, Vilson e Edílson foram advertidos com o cartão.

Apesar disso, o jogo melhorou muito na metade final do jogo, e o Corinthians apertou a pressão. A partida ficou mais aberta, mas a superioridade técnica da equipe se destacou e aos 37 minutos o jogo mudou: o zagueiro Balbuena marcou seu segundo gol com a camisa do Corinthians e desempatou a partida.

Antes do apito final, o Corinthians ainda sofreu mais um pênalti - o segundo no jogo. Romero chamou a responsabilidade da cobrança mas a chance do terceiro gol do Timão ficou, de novo, nas mãos do goleiro João Carlos, que fez a defesa.

Com o resultado, o Timão agora também garantiu a liderança geral do Campeonato Paulista, restando apenas a briga pelo recorde histórico da maior pontuação da primeira fase. O próximo confronto, o clássico contra o Palmeiras, acontece no Pacaembu ainda pelo estadual.

Quem Atuou

Títulares

Reservas

Técnico

Árbitro

Comente a partida entre Corinthians e Ponte Preta

  • 1000 caracteres restantes