Ado, Ídolo do Corinthians

Goleiro

Ado

Biografia

Ado foi um dos goleiros mais falados do Brasil entre a década de 60 e 70, isso porque o atleta encantava com sua beleza, sendo considerado o jogador mais bonito do Brasil. Sua caminhada no futebol começou no Paraná, com a camisa do Londrina. Apesar da pouca idade, rapidamente se tornou titular do clube paranaense. Em julho de 1968, em um amistoso contra o Corinthians, o arqueiro acabou se destacando e seu time derrotou o alvinegro por 2 a 0.

Logo após essa partida, foi contratado pelo clube do Parque São Jorge. Com apenas 23 anos estava defendendo as cores preto e branco. Estreou no dia 29 de outubro de 1969, em partida contra o Botafogo, pela Taça Roberto Gomes Pedrosa - o Timão venceu por 2 a 0. Dois dias mais tarde, ele foi novamente aos gramados, contra o Fluminense, e nessa partida acabou brilhando, defendendo um pênalti cobrado pelo time carioca. Sua ótima atuação lhe rendeu a vaga como titular absoluto do time alvinegro, colocando o goleiro Lula no banco de reservas.

No ano seguinte, Ado teve sua primeira convocação para a Seleção Brasileira. Naquela temporada, ele teria sua maior glória como jogador de futebol profissional, ao ganhar a Copa do Mundo de 1970 com a amarelinha. Na conquista mundial acabou ficando na reserva de Félix.

Ficou no Parque São Jorge até 1974, quando perdeu a preferência para o goleiro argentino Buttice. Saiu do clube alvinegro e peregrinou em alguns clubes brasileiros: América-RJ, Atlético-MG, Portuguesa, Santos, Velo Clube, Rio Claro, Ferroviário, Fortaleza e por último o Bragantino.

Depois de sua aposentadoria montou uma escola de futebol em Alphaville, na grande São Paulo.

Relembre de outros ídolos que jogaram no Corinthians

O que você mais lembra do Ado no Corinthians?

  • 1000 caracteres restantes