Campeonato Paulista 2003

Titulos conquistados pelo Corinthians - Campeonato Paulista 2003
Corinthians foi campeão paulista ganhando do São Paulo no Morumbi

O Campeonato Paulista de 2003 foi conquistado pelo Corinthians sobre o rival São Paulo e foi a 25ª Taça estadual levantada pelo clube.

O Corinthians se classificou em segundo lugar no Grupo 3 e encarou  o União Barbarense, duelo que venceu pelo placar de  2x1, de virada.

Na semifinal, o Timão enfrentou ninguém menos que seu arquirrival Palmeiras, os dois jogos foram no Morumbi, o primeiro com mando do clube Alviverde, terminou em empate por 2x2, partida que o Timão começou em desvantagem de 2x0, mas com muita raça e bombardeando o gol do goleiro Marcos, que salvou o time naquela partida, buscou o empate com Anderson e Liédson.

No jogo de volta, o mando era do clube Alvinegro, que venceu a partida por 4x2 e massacrou o rival com uma atuação magnífica de Gil, autor de dois gols na partida, além de Rogério e Liédson, avançando assim para a final.

A grande final foi contra o freguês São Paulo, os dois confrontos aconteceram no Morumbi e, coincidentemente terminaram com o mesmo placar, ambos em 3x2 a favor do Timão.

No primeiro jogo, os gols corinthianos foram marcados por Fábio Luciano, Rogério e Gil, a partida terminou com triunfo alvinegro e o Corinthians seguiu com vantagem para a finalíssima.

A semana que antecedeu o último jogo da final foi tensa, devido a um regulamento mal elaborado, o São Paulo afirmava que seria campeão se vencesse por um gol de diferença apenas, por outro lado, o Corinthians, confiante, afirmava que se perdesse por um gol de diferença, levantaria a taça da mesma forma. Sem chegar a um acordo, se o confronto terminasse com triunfo tricolor pela diferença de um gol, o título seria decidido na justiça.

Mas, pra segunda partida não foi preciso nada disso, o Corinthians se afirmou em campo e venceu, com dois gols de Jorge Wagner e um de Liédson.

Logo cedo dois jogadores foram expulsos, Kléber do Corinthians e Reinaldo do São Paulo.

Mas o Levezinho, que não tinha nada com isso, abriu o placar pro Corinthians, que via um São Paulo muito agressivo no ataque, levando bastante perigo à meta do goleiro Doni, porém, no final do primeiro tempo Jorge Wagner amplia a vantagem e deixa o Timão com 2 gols à frente do Tricolor.

Na volta da etapa final, o São Paulo foi todo ataque, conseguiu igualar o placar, entretanto aos 47 minutos, Jorge Wagner de novo, deixa o Coringão na frente e acaba com qualquer esperança São Paulina.

O campeonato não poderia ser de outra forma, foi do jeito que todo corinthiano sonhou, eliminando o maior rival na semi e destruindo o maior freguês na final. Com o jogo definido, o time do técnico Geninho, se sagrava Campeão Paulista e assumia de vez o posto de maior campeão do torneio.

 

Comentários

  • 1000 caracteres restantes