2002 - Brasiliense 1x1 Corinthians

2002 - Brasiliense 1x1 Corinthians
Gil e Deivid formaram a dupla de ataque que conquistou o título corinthiano
Elmo Serejo
,
Escudo do Brasiliense Brasiliense
1 x 1
Corinthians Escudo do Corinthians

Ficha Técnica

Placar: Brasiliense 1 x 1 Corinthians

Data: 15.mai.2002

Estádio: Elmo Serejo (Serejão)

Campeonato: Copa do Brasil

Escalação: Dida; Rogério, Anderson, Fabio Luciano e Kleber; Fabrício, Vampeta (Fabinho), Ricardinho e Leandro (Renato); Deivid e Gil.

Técnico: Carlos Alberto Parreira

Ídolos que jogaram

No final de semana foi o título do Rio - SP, na quarta-feira o título da Copa do Brasil. 

No primeiro jogo das finais da Copa do Brasil, disputado na quarta-feira dia 8 de maio, no estádio do Morumbi, o Corinthians ganhou do Brasiliense por 2x1, dois gols de Deivid. No domingo, dia 12 de maio, o Corinthians foi campeão do Rio - SP, em cima do São Paulo. Nesse jogo do dia 15 de maio bastava ao time do Corinthians um empate para conseguir o título da Copa do Brasil e ser campeão 2 vezes em 4 dias.

O jogo começa com o time do Brasiliense muito motivado e partindo pra cima do Corinthians, buscando o gol de qualquer maneira e o Corinthians se defendendo e sem muitas chances de ataque e o goleiro Dida sendo o diferencial da partida.

O Corinthians só conseguiu equilibrar a partida e arriscar mais jogadas de ataque depois da metade do primeiro tempo, principalmente em chutes de fora de área de Vampeta e jogadas armadas pelo lado esquerdo com Ricardinho e Kleber.

Quando o Corinthians parecia equilibrar a partida o Brasiliense marcou, em cobrança de falta, o primeiro gol do jogo, aos 41 minutos do primeiro tempo.

E o primeiro tempo acaba assim, Brasiliense na frente e com a mão no título.

Na segunda etapa da partida o Corinthians precisava marcar e passou a atacar mais a equipe do Brasiliense, que sentiu o peso de uma decisão e foi se fechando na sua defesa.

Aos 19 minutos, após cruzamento de Leandro pela esquerda, Deivid - sempre ele - marca de cabeça o gol de empate e do título.

Depois desse gol o time do Brasiliense se assustou e bastou ao Corinthians jogar com inteligência e a calma de um time acostumado com títulos para erguer a segunda taça em menos de 4 dias.

Corinthians campeão da Copa do Brasil pela segunda vez, pra delírio da imensa fiel torcida e pra mais uma vez o técnico Parreira dizer que ser campeão pelo Corinthians é diferente de todos os títulos que já ganhou na carreira.

Comentários

  • 1000 caracteres restantes