1983 - Corinthians 10x1 Tiradentes (PI)

1983 - Corinthians 10x1 Tiradentes (PI)
Time do Corinthians, responsável pela Democracia Corinthiana e pela maior goleada do Brasileiro
Pacaembu
,
Corinthians Escudo do Corinthians
10 x 1
Tiradentes-PI Escudo do Tiradentes-PI

Ficha Técnica

Placar: Corinthians 10 x 1 Tiradentes (Pi)

Data: 09.fev.1983

Estádio: Oswaldo Teixeira Duarte (Canindé)

Campeonato: Brasileiro

Público: 17.921

Escalação: Solito; Alfinete, Mauro, Daniel Gonzales e Wladimir; Paulinho, Sócrates e Zenon (Eduardo); Biro-Biro, Ataliba (Vidotti) e Paulo Egídio.

Técnico: Mario Travaglini

Um massacre histórico. 10 gols e a maior goleada da história do Campeonato Brasileiro.

O jogo era valido pelo segundo turno da primeira fase do campeonato brasileiro de 1983 e o Corinthians entrou em campo jogando com seriedade e respeito, mesmo o jogo sendo contra um adversário mais fraco e inexperiente. O resultado é a maior goleada da história do campeonato brasileiro, 10x1.

O time do Corinthians, que vivia grande fase - época da democracia corinthiana - jogou fácil e deu um espetáculo histórico para os quase 18 mil torcedores que foram ao estádio do Canindé naquela quarta-feira a noite ver o jogo.

Comandados dentro de campo pelo Dr. Sócrates, o Corinthians foi impiedoso.

O time do Tiradentes até achou que conseguiria um bom resultado quando fez o primeiro gol da partida, de pênalti, aos 18 minutos com Sabará. Mas daí pra frente só deu Corinthians. Sócrates empatou a partida aos 24 minutos, também de pênalti. Aos 31 Sócrates novamente marca, virando a partida, 2x1 para o Corinthians.

O primeiro tempo a acabaria 5x1 para o Corinthians com gols de Biro-Biro, aos 37, Sócrates (o terceiro dele no jogo) aos 42 e Paulo Egídio aos 44 minutos.

Na volta, com 5x1 no placar, todos acharam que o Corinthians cadenciaria o jogo, administraria o resultado. Mas logo aos 4 minutos do segundo tempo Ataliba marca um golaço de virada, mostrando que o Corinthians queria mais. Aos 8 minutos da etapa final Wladimir marca o gol mais bonito de sua carreira, de bicicleta, fazendo Corinthians 7x1. Aos 17 minutos Paulo Egídio marca mais um. Corinthians 8x1.

Sócrates aos 33 marca o seu quarto gol na partida e faz Corinthians 9x1 Tiradentes.

A partir desse momento a torcida, enlouquecida com a vitória, começa a pedir pelo décimo gol, que é anotado por Vidotti, que entrara no lugar de Ataliba.

Estava assim consumado o massacre, Corinthians 10 x 1 Tiradentes. É essa a maior goleada da história dos campeonatos brasileiros.
 

Comentários

  • 1000 caracteres restantes